terça-feira, 28 de junho de 2016

Um "bocado de mim"

Aperta o calor e a minha gente vai de férias. Aos paraísos  entre  muros, preferem outros longe daqui, embora reservem tempo para o regresso à serra - à "minha" serra! - quanto mais não seja para manter vivo o cordão umbilical que nos liga ao rio Alva, fonte de saudade de quem  vive longe...
Os rapazes  escolheram Cuba e  Suécia, e agora, diz uma das filhotas, "...talvez  vá ao México"! 
Como fazem férias repartidas, ainda sobra  mundo para descobrir, incluindo a (nova) mini praia do Urtigal, aqui ao lado. Aposto que vai ser o  "local de sonho" de todos eles e respectivas caras metades...
(Isto sou eu a dizer, pelo gosto de gostar deste "bocado de mim"...).

domingo, 26 de junho de 2016

Por ser domingo...

Por ser domingo,  volto às teclas para desenfastiar  de uma semana, como a anterior, cheia até  ao cocuruto  da última madrugada, Descanso das andanças por aí, dos festejos do S.João, que terminam lá para o fim da tarde de hoje, da caminhada solidária, festival de tunas, e das obras no pequeno paraíso que é o (meu) Urtigal.
Não me queixo   do físico nem  dos neurónios que já não são o que eram, coitados. As minhas queixas vão inteirinhas para o resultado da extração  de um canino que me deixou a bochecha esquerda  anda mais à esquerda,..
Desta vez, caro doutor (Nuno),  a coisa não foi pacífica - até parece que levei um valente sopapo, logo eu que não sou de violências...